14 de jan de 2013

Pôr do sol

Hoje o sol se pôs assim: cor-de-rosa.




35 comentários:

  1. Olá Valéria, trabalho para a Editora Moderna e gostaríamos de publicar uma foto sua em um livro didático. Por favor, vc pode entrar em contato comigo? evelyn@coral.art.br
    Obrigada, abs
    Evelyn

    ResponderExcluir
  2. Una captura espectacular, un placer.
    que tengas un buen fin de semana.
    un saludo.

    ResponderExcluir
  3. um estudante de medicina ainda se formar mesmo sendo hiv positivo ? Estou confuso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tbem sou estudante do ultimo ano de medicina no Rio. E vc? Gostaria de trocar alguma tipo de contato? Poderiamos trocar algum skype ( mesmo que fake para nao ficarmos com medo de nos identificar de primeira ). Acho que poderiamos nos ajudar nessa saga de ter que estudar medicina sendo paciente ao mesmo tempo. Me sinto muito sozinho pois não consigo me abrir com ninguem sobre esse diagnóstico, só uma grande amiga que ja sabe. Acho que poderiamos dar força um pro outro. Abraços! Fé

      Excluir
    2. ola, Acho q podemos sim nos falarmos me vejo com as mesmos pensamentos. Tem msn ?
      forte abraço

      Excluir
    3. Oi, criei um msn especial para podermos conversar a princípio sem não nos identificarmos para o site inteiro, acho que ainda não estou preparado. Com o tempo e ganhando intimidade e confiança um com o outro podemos nos identificar entre nós mesmos. Meu msn é: mjmdna@hotmail.com
      Qual o seu msn?
      Vou estar em casa sábado o dia inteiro estudando pra prova. Se quiser já podemos marcar um horário para entrarmos e conversarmos. Abraço

      Além de tudo queria agradecer muito a Valéria por estar proporcionando esse contato, você deve ter idéia de como isso é importante. Obrigado Valéria.

      Excluir
    4. Deu problema com aquele msn q postei da última vez, não entendi o que houve. Criei um outro que já testei e esta funcionando direitinho
      mj_123456_mj@hotmail.com
      Abraços

      Excluir
  4. Não vejo porque não poderia. É claro que existem médicos soropositivos e como qualquer paciente tem de tomar a medicação corretamente. Força e conclua essa faculdade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tambem sou estudante de medicina e me descobri com hiv. estou na luta para me manter equilibrado mentalmente pois não estou disposto a desistir do meu sonho de ser médico, mas está difícil. Valeria, estou tentando comprar seu livro "Depois daquela viagem" mas se encontra esgotado em vários sites. Sabe aonde posso consegui-lo? Acho que me ajudaria. Obrigado

      Excluir
    2. Obrigado! Consegui comprar direto pelo site da editora.

      Excluir
  5. Valéria, sou sua fã!!! Li seu livro na época da escola e adorei. Vc é um exemplo, que Deus continue a te abençoar sempre!!!

    ResponderExcluir
  6. Valéria, que foto linda!

    Tenho um blog e resolvi escrever um pequeno post a respeito do seu livro, que li pela primeira vez há 11 anos e reli incontáveis vezes depois disso. Aí resolvi pesquisar sobre você e fiquei muito feliz em te encontrar por aqui, saber que está bem, feliz, que já escreveu outros livros depois daquele, que aquele virou peça... Enfim, bom saber de você! Se quiser dar uma olha no post, segue o link: http://www.blog-entre-aspas.blogspot.com.br

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carla, obrigada pelo post. Fico muito feliz em saber que meu livro marcou a sua adolescência. Seu Blog está bem legal!
      Beijos,
      Valéria

      Excluir
  7. VAleria eres un ejemplo de vida. DIos te bendiga y permita q haya mas personas en este mundo luchadoras, q nos dejen un gran ejemplo de berraquera y superacion.

    ResponderExcluir
  8. Olá Valéria , tudo bem ?
    ganhei seu livo de presente da Vovó , li e adorei .Você é um exemplo de superação ,uma grande vitória,que Deus continue a te abençoar sempre ! Beijos , Fernanda .

    ResponderExcluir
  9. Valéria,Bom dia,tenho 34 anos e sou professora de Português numa área rural de Itaboraí,RJ.Li seu livro "Depois daquela viagem" e falei sobre ele com meus alunos do 9º ano.Acho importante tratarmos destes temas ainda tão complexos com nossos alunos,já que muita das vezes os próprios pais se recusam a aconselhá-los deixando esta tarefa para nós educadores.Muito me alegraria se você mandasse uma mensagem ou alguma sugestão sua de leitura para eles,acho que seria uma grande motivação.Grande abraço!!!!Suzana Machado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, professora Su,
      aqui mesmo neste blog tenho vários textos publicados que você pode indicar a eles. Dê uma olhada nos posts mais antigos. Se eles não tiverem acesso à internet você pode imprimí-los e usar em sala de aula. Um outro livro que escrevi para essa faixa etária é o "Enquanto estamos crscendo", uma coletânia de crônicas.
      Um grande abraço a todos da turma e a você, em especial, pelo empenho com a garotada!
      Valéria

      Excluir
  10. Oi Valéria
    Seguinte estou com 25 anos e tenho HIV desde os 18, sempre tive vontede fazer uma viagem e ficar um tempo fora, mas vivo adiando até por respeitar a vontade da minha mãe, pra eu não descuidar do tratamento, comer direito... e também talvez por ter que ter cuidados com o frio...
    Então um medico do posto de saude disse q alguem pode retirar os remedios e me mandar ppor sedex, porq comprar fora seria carissimo.
    aE QUERIA TE PERGUNTA SE VOCÊ USA ESSE SISTEMA DE SEDEX? ou se tem algum programa no exterior que nos fornece o coquetel de graça ou por um preço acessivel?
    Grato
    Diogo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI, Diogo, quando viajo procuro pegar meus remédios antes no posto de saúde e levá-los comigo na viagem. Você pode tentar pegar para 2 ou 3 meses, explicando que irá viajar, e já levar com você. Ou também pode pedir para alguém retirar e enviar pelo correio. Só não dá para deixar de viajar, né?!!!
      Abraços e boa sorte!

      Excluir
    2. Ah valeu, vo fazer isso mesmo, pretendo ficar 6 meses em Toronto no Canada...
      E me diz outra tem alguma dica para se cuidar das possiveis doenças provocadas pelo frio???

      Excluir
  11. Oi Valéria!

    Acabei de ler seu livro novamente e por acaso em um canal pago passou o filme do Cazuza, despertou o interesse em saber o acontecerá após o livro com você, e fiquei imensamente feliz em saber das conquistas que você alcançou. Admiro sua perseverança em continuar em frente.
    Com certeza este é um livro que ficará em minha "biblioteca" esperando as minhas meninas lerem ( vai levar um tempo masss.... uma está com 03 anos e a outra é apenas um "sementinha" desabrochando), pois a sua história tem muitos bons exemplos que estimulam a pensar o que realmente é importante na vida e que precisamos continuar em frente independente do que possamos nos deparar no caminho.

    Espero continuar acompanhando muitas outras conquistas suas.

    OBS: Adorei a ideia da peça, será que o próximo passo é o filme?


    Grande beijo!
    Tatiane

    ResponderExcluir
  12. valeriaaaa, dejame contarte que lei tu libro cuando tenia 14 años y soy tu admiradora por tan valentia te juro que tu libro me marco mucho, soy de peru y ahroa tengo 20 años y he vuelto a leer tu libro, estudio derecho y literatura y me encantaria conocerte y que vinieras a dar una charla sobre el sida en mi universidad. espero podamos conversar mi email es : xhabe.22@hotmail.com

    ResponderExcluir
  13. Olá Valéria,
    Tive uma triste notícia há pouco e acho que não vou dormir nunca mais. É uma pergunta bem pessoal ... minha cabeça está a mil. A 1a. reação foi querer um abraço de mãe, mas me pergunto, é justo dar todo esse sofrimento a quem me deu tanto amor e carinho e conselhos? A questão é, acha q é mais fácil enfrentar sozinha com um sorriso no rosto , ou dividir ... estou achando q o que vai me matar é ver a dor alheia... Enfim, se puder entre em contato. Não vou tirar seu tempo. Só um email de prosa. Obrigada
    P.s = Lembrei de vc pq li seu livro há uns 15 anos, achei tão lindo o modo como vc escreveu... infelizmente fui lembrar dele tarde demais ... =/
    email : ananorealname@gmail.com

    ResponderExcluir
  14. Olá Valéria!!
    Li seu livro em 2 dias, ri, chorei e me identifiquei demais com seu jeito, das respostas na ponta da língua, da imaginação fértil como quando você "perdia a paciência e a educação em alguns momentos" rsrsrs, quando eu li: eu nunca fui flor que se cheire, pensei, caramba é assim mesmo que me senti inúmeras vezes.
    Não sei como não li antes, (sei sim, na adolescência eu achava uma perda de tempo ler). Tenho 27 anos e não vivo mais sem livros. Com certeza o seu está na minha listinha de melhores livros que já li.
    Sem palavras para descrever o sentimento ao terminar. E logo fui pesquisar mais sobre você. Obrigada por existir!! Parabéns!

    Ah,e até me pareço um pouco com você na fisionomia,sempre me dizem que pareço Indiana e eu sempre ficava brava, não sei de onde eles tiram isso, eu me perguntava. Mas agora depois de conhecer seu trabalho, acho o máximo.

    Bjs
    Iolanda
    e-mail: ioio@netsite.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi Valéria acabei de conhecer vc atraves do seu livro,DEPOIS DAQUELA VIAJEM.Meu marido que me indicou disse que gostou mto do livro qdo era adolescente.Fiquei mto feliz de ver ser sorriso aõ terminar de ler o livro, engraçado que vc era como eu imaginava lendo.Fiquei mais feliz ainda qdo encontrei seu blog pois assim que terminei o livro digitei seu nome no google.Deveria ter DEPOIS DAQUELA VIAJEM 2,se já tiver desculpe minha ignorancia.No mais fiquei feliz em te ver bem mto feliz mesmo seu sorriso é realmente lindo.

    ResponderExcluir
  16. Oi Valéria, quanto tempo! Sei que vc não me conhece, mas encontrar seu blog foi como rever uma velha amiga... Velha no sentido de tempo, não de idade, já que temos praticamente a mesma... Rs... Li seu livro assim que saiu, tenho até hoje a capa da Capricho com sua reportagem e desde então passei a te admirar muito! Sempre me perguntava por onde vc andava e dando uma olhada no Google cheguei a este belíssimo blog. Por favor, não deixe de atualizar, é sempre bom receber notícias de pessoas queridas... Para mim vc é isso! Fique com Deus! Fique bem! Bjs! Chris
    chrisxavierrj@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  17. Valéria após ler seu livro pela segunda vez: a primeira como aluna e agora como professora( passei para meus alunos) só chego a uma conclusão: Esta excelente obra atemporal tem que se transformar em um FILME!!!!! A propósito meus alunos, assim como eu, adoramos o livro e somos fãs da autora. Abraços!!!!!

    ResponderExcluir
  18. Oi, sou uma aluna de um colégio do Rio de Janeiro, Ilha do Governador, e minha professora de português trabalhou com agente esse livro, "Depois daquela viagem", e vim aqui dizer que é um ótimo livro, sua história de vida é impressionante. Inclusive amanhã farei um trabalho sobre ele. Eu também acho realmente muito importante a abertura do assunto sexo com adolescentes, e com certeza o livro trata desse assunto com muita clareza, e além de ser uma linguagem informal e um acontecimento que poder ocorrer com qualquer um de nós. Obrigado, sou sua fã (: Clarissa , 14 anos

    ResponderExcluir
  19. Olá Valéria, tenho 16 anos e moro no Rio de Janeiro, essa semana terminei de ler seu livro e fiquei tão encantada com a sua história de vida que resolvi pesquisá-la rsrs, admiro muito a sua capacidade e força de vontade. Gostei principalmente da parte em que você se abre com seus amigos, o que é mais difícil para a sociedade acho que é questão do preconceito, minha mãe é deficiente física e eu vejo isso frequentemente. Mas admiro muito a sua história de vida e seu trabalho, parabéns por ser linda e tão querida, beijos e abraços.

    ResponderExcluir
  20. Olá, Valéria. Meu nome é Érica, trabalho numa escola de periferia onde os adolescentes são praticamente abandonados por suas famílias. Eles não gostam de ler, tampouco possuem esse hábito. Porém, implorei para o diretor comprar alguns exemplares do livro “Depois daquela viagem”, eles foram comprados com o dinheiro da APM (40 livros) e desde então lemos uma vez por semana alguns capítulos. É incrível, gostaria de filmar e mostrar a transformação das salas indisciplinadas em adoradores de “Valéria” é silêncio absoluto enquanto lemos e comentamos sobre tudo. Inacreditável que apesar da aparente “maturidade” sexual, eles pouco sabem sobre o assunto. Obrigada por ser esse ser humano tão humano...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Erica, fico muito feliz em saber da sua experiência com o livro e seus alunos. Que eles se apaixonem pela leitura! Abraços e muita força com a garotada!

      Excluir