17 de set de 2017

Quem é vivo, de vez em quando aparece


      Nossa... há bastante tempo não escrevo por aqui...
Como sei que muitos leitores procuram o Blog para saber como estou, deixe dar uma recapitulada.


     Como já contei em outro post,  há alguns anos venho me dedicando à prática de meditação. E tanto me empolguei que me tornei instrutora de Mindfulness e agora estou cursando uma Especialização em Mindfulness na UNIFESP. Desde 2016 trabalho como voluntária no Centro Mente Aberta -UNIFESP que oferece gratuitamente Programas de Mindfulness para os usuários do SUS. Sou uma das integrantes da equipe de Mindfulness e Educação e estamos criando um protocolo para professores. Mas vamos por partes...


O primeiro grupo a gente nunca esquece


Voluntários do GIV, na sede da ONG na Vila Mariana

      O primeiro grupo que facilitei, foi em 2016 no GIV – Grupo de Incentivo à Vida uma ONG que defende os direitos das pessoas vivendo com HIV/AIDS. Minha história com o GIV é antiga. Foi essa ONG que me acolheu, há muitos anos, quando procurei apoio e um lugar para conhecer outras pessoas na mesma situação. Alguns amigos que fiz nessa época estão no céu, outros estão por aí, pela vida e alguns reencontrei nesse curso. Por isso também, ele foi tão especial. A outra metade do grupo foi de jovens, gente nova, voluntários, ativistas que estão dando continuidade
a esse trabalho tão importante.


Mindfulness para Educação


     Em junho no Mente Aberta, tivemos dois programas estrangeiros de Mindfulness para professores da rede pública com a parceria da Diretoria Regional de Ensino de Sto. Amaro: 
       – O  Programa espanhol TREVA ­– Técnicas de Relajación VivencialAplicadas al Auladesenvolvido pelo Dr. Luiz Lopez-Gonzalez da Universidade de Barcelona.
       – E o americano CARE, do Instituto Garrison de Nova York e ministrado por uma das idealizadoras, a  Prof.  Dr. Tish Jenningns,   autora do livro, “Mindfulness for Teachers”. 


Programa CARE com a Prof. Dr. Tish Jenningns








Programa Treva com o Prof. Dr. Jose Miguel Txemi





    Agora a Equipe do Mente Aberta Educação está desenvolvendo, com base na realidade brasileira, o Programa de Promoção da Saúde Baseado em Mindfulness para Professores – MBHP-educa.  Em junho fomos a São João Del Rei – MG, para aplicar o primeiro piloto do projeto. E ainda nesse semestre estaremos aplicando a nova versão em São Paulo e Minas Gerais. É muito bom trabalhar com pessoas tão legais! E num projeto em que se acredita! Professores, nos aguardem!!!





 Equipe Mente Aberta Educação:
Zeca Fuscella, Alex Terzi, eu e Daniela Oliveira




4 comentários:

  1. É óptimo ter notícias suas Valéria! Desejo-lhe muitas felicidades!
    Um beijo enorme de Portugal / Angola

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal!!! Beijos do outro lado do mundo!!!
      Beijos pra vc aqui do Brasil também!!!

      Excluir
  2. Nossa estou encantada com o seu livro DEPOIS DAQUELA VIAGEM é incrível estou quase terminando. Sempre que estou lendo fico imaginando se era verdadeira ou ficção.E a partir daí fiquei muito curiosa pra saber de você. Sabe se ainda estava viva.Muito tocando sua história.

    ResponderExcluir
  3. Que legal saber que vc está bem. Quando eu era adolescente (hj estou com 31) lia muitas revistas e sempre via a sua história ou algum texto seu.... Obrigada por tudo, TB li seu livro e na época já abriu minha mente para o HIV. Um grande abraço

    ResponderExcluir